Brazil

Eduardo Leite 2021 Em reunião com o governador . Famurs cobra auxílio .

Eduardo Leite 2021 Em reunião com o governador . Famurs cobra auxílio .

Eduardo Leite Eduardo Leite Em governador … auxílio cobra com reunião , Famurs o

Sat, 20 Mar 2021 08:00:00 -0500

Em reunião com o governo do Estado nesta sexta-feira (19), a Famurs e os presidentes das Associações de Municípios do RS cobraram maior auxílio 

Gestores relataram estar investindo mais do que o previsto, principalmente na atenção básica e em hospitais, resultando em dificuldades financeira para os cofres municipais

Em reunião com o governo do Estado nesta sexta-feira (19), a Famurs e os presidentes das Associações de Municípios do RS cobraram maior auxílio financeiro do Executivo para a área da saúde.

A solicitação foi realizada após deliberação em Assembleia Geral, realizada na última quarta-feira (17), em que os gestores relataram estar investindo mais do que o previsto, principalmente na atenção básica e em hospitais, resultando em dificuldades financeira para os cofres municipais.

Na oportunidade, a Famurs pediu a viabilização de novos recursos pelo Estado e que o governador pressione o governo federal na destinação de recursos extraordinários para os municípios.

O pedido foi formalizado, em ofício encaminhado ontem, pela Famurs para o governo do Estado.

De acordo com o governador Eduardo Leite, o Estado tratou com a Comissão Intergestores Bipartite (CIB) a liberação de saldos existentes em fundos do Estado e que estão eventualmente parados, como o do Programa Primeira Infância Melhor (PIM) para que os municípios utilizarem nas despesas relacionadas à saúde.

A Famurs questionou a medida, justificando que os recursos dos fundos já são dos municípios e devem ser aplicados em suas respectivas áreas, sendo necessário novas fontes de recursos para sanar as despesas extraordinárias.

Na ocasião, Leite também informou que a Secretaria Estadual de Saúde irá analisar outras possíveis fontes de recursos.

Além do governo do Estado, a Famurs irá articular com a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), com os senadores gaúchos e deputados federais a possibilidade de garantir mais recursos para a saúde.

Diante da manifestação do governo do Estado de que os municípios são os responsáveis na fiscalização para cumprimento dos protocolos previstos no Distanciamento Controlado, a Famurs cobrou que o Executivo participe efetivamente da fiscalização nos municípios e disponibilize servidores para auxiliarem na fiscalização.

A reivindicação foi realizada em reunião com os presidentes das Associações de Municípios do RS, nesta sexta-feira (19/3).
Durante o encontro virtual, a Famurs pediu que o governo realoque como fiscais temporários os servidores estaduais que estão em home office, com funções reduzidas.

A entidade entende que o Estado pode montar equipes de apoio na fiscalização para atuarem nos municípios e que a iniciativa ajudaria na supervisão de forma eficiente do cumprimento dos protocolos.

Sem a participação dos municípios na elaboração das novas regras previstas nos protocolos do Distanciamento Controlado, a Famurs solicitou a participação no Comitê de Crise do governo do Estado, para que haja maior diálogo e distribuição das responsabilidades.

A entidade também solicitou ao Executivo novos recursos para a área da saúde, uma vez que os municípios estão investindo mais do que o previsto, principalmente na atenção básica e em hospitais, resultando em dificuldades financeira para os cofres municipais.

Famurs sugere inclusão de profissionais de segurança no grupo prioritário da vacinação
Em reunião com o governo do Estado nesta sexta-feira (19/3), o presidente da Famurs, Maneco Hassen solicitou uma mobilização do governo para incluir os profissionais de segurança no grupo prioritário da vacinação contra a covid-19.

“É fundamental incluirmos os profissionais de segurança no grupo prioritário da vacinação, afinal eles também estão atuando na linha de frente para combater a pandemia”, afirmou o presidente da Famurs, Maneco Hassen.

Os prefeitos de Dom Pedrito, Mauro Augusto de Freire Gonçalves, e de Marau, Iura Kurtz, também se manifestaram a favor dos profissionais de segurança.

Para o prefeito de Dom Pedrito, Mauro Augusto, esta é uma pauta que merece total atenção por parte do governador.

“Como disse o presidente Maneco, estes profissionais merecem todo o apoio dos prefeitos nesta luta pelo fato de estarem protegendo as nossas comunidades e também agindo na fiscalização”, ressaltou o prefeito.

AI/CS

Av.

Alberto Muller, 242 – Alto do Parque – Lajeado/RS

Telefone: (51) 3710 4900 – Torpedos: (51) 99978 7885.

Eduardo Leite Eduardo Leite

Sat, 20 Mar 2021 08:00:00 -0500

– March 20, 2021
Eduardo Leite 2021 Em reunião com o governador . Famurs cobra auxílio .

Tags
Back to top button